terça-feira, 26 de julho de 2016

Mar e fantasia



Eu admiro o nascente do sol
Amo a maresia
Adoro pisar descalça na areia
E sem saber nadar
Brinco contigo
De fingir que sou sereia...

Mergulho no teu peito
Sem nenhum receio
Nado pelo teu corpo suado
Meu amado
E canto para ti
Ao declamar a minha poesia
Sobre os encantos da doce noite...

Levo-te para as profundezas
Do meu querer
E no profundo da minha alma

Até que se perca  no encanto da natureza
Ao final da beleza da entrega
Até que a Aurora aconteça
Anunciando
 a chegada do Sol...


Lucy Coelho