quinta-feira, 16 de abril de 2015

Ao sonhar com você...


QUERO ESCREVER DE UMA MANEIRA CALMA
INSPIRADA PELA A ALMA
AO SONHAR COM VOCÊ...                                                                             
SOU UMA POETISA
SONHADORA DE VERSOS
ESCRITOS COM LÁGRIMAS DESCENDO
OU COM UM SIMPLES SORRISO NO ROSTO...

DIGAS ALMA MINHA, PORQUE CHORAS
E PORQUE DEVERÁS SORRIR?
POR ACASO SABES QUE,
OS SONHOS SÃO FEITOS DE ESPERANÇAS?
SONHAS ALMA MINHA, COM REGRESSOS,
CALOROSOS BEIJOS E AMORES SECRETOS,
COM AS ASAS DA ESPERANÇA E BELOS VERSOS...

AS TUAS LÁGRIMAS, ALMA MINHA
DÁ UM SOMBREADO ÚNICO
AO CAIR NA FOLHA DE PAPEL
DENTRE AOS MEUS SONHOS
DESCRITOS EM VERSOS...

NÃO HÁ UM ROMANCE ESCRITO
QUE EM ALGUM CAPÍTULO
NÃO TENHA SIDO CONTURBADO
SE FOR DE SHAKESPEARE
UM FINAL TRÁGICO
MAS SE FOR UM CONTO DE FADAS
UM FELIZ PARA SEMPRE...
E QUEM NÃO QUER ASSIM?
EU QUERO PARA MIM
UM CONTO SEM MADRASTA-BRUXA
CONSPIRANDO PARA O MEU TRÁGICO FIM...

QUERO ESCREVER DE MANEIRA CALMA
INSPIRADA PELA MINHA ALMA
AO SONHAR COM VOCÊ...

QUE MINHAS POESIAS
ALMA MINHA
SEJAM REGADAS DE MAGIA
E FELICIDADE NÃO MOMENTÂNEA
BEIJOS SEM DESPEDIDAS
ABRAÇOS QUENTES
AMORES CONFESSOS
POIS O AMOR SECRETO
POR SI SÓ, REVELA-SE...



Lucy Coelho





quarta-feira, 8 de abril de 2015

Almas tatuadas


É possível sentir a alma?
Estou sentindo a minha...
E como se eu estivesse sido invadido
Estou sentindo a tua...

E não consigo 
Tirá-la de mim...
Estou preso em ti
Pois o teu abraço
 Prendeu-me feito um laço
Estás tatuada em mim
E eu tatuei-me eternamente em ti...

Sem percebê-la
Entorpecido
Com as tuas carícias
E com teu amor 
Rasgaste o meu peito
Sem dor...

Invadiu-me
Da maneira mais profunda
E de um jeito mais calmo
Marcando-me
Com a tua essência 
Do teu grande  amor
Entregue a mim...
Somos almas tatuadas
Eternamente marcadas
Com o símbolo do infinito
Simbolizando a eternidade 
De tudo que por ti eu sinto
E da tua total entrega
Minha eterna amada
Viveremos eternamente assim
Com as nossas almas tatuadas
Marcadas por este eterno amor sem fim...



Lucy coelho




O AMOR...



O amor 

Os pensamentos são chuvas de verão,
Sentimentos são ondas,
Mas o amor transcende a razão...

O tempo na sua crueldade,
Simplesmente limita a minha vida,
Mas o amor
Eterniza a minha alma
E é na esperança que me mantenho,
Sem nunca perder a calma...

Amo-te como jamais amei ninguém
Em toda minha vida,
Eternizado está esse amor
Como se nunca extinguisse,
Porque não te entreguei
Apenas o meu corpo que têm um fim,
Mas entreguei-me de alma,
Sem pensar ao menos em mim...

Não planejei um dia
Ser laçada, amarrada, cativada,
Mas com as mãos serradas,
Entreguei-me cativa
E no seu cativeiro de amor,
Com um simples sorriso,
Fez-me gemer sem dor...

O amor não é cego,
Ele vê bem o que faz,
Mas é entorpecido de desejos
E anseios, nada o satisfaz...

Suntuoso feito o sol
No nascente de um dia quente de verão,
Levanta-se da maneira mais calma
E queima-me com ardor,
Mas no íntimo da alma,
O amor é uma adorável flor...

Lucy Coelho








quarta-feira, 1 de abril de 2015



♫ O sol despontou
Com o sorriso mais agradável
Que um amante pode ter ao ver
A formosura da sua amada... ♫

♫ Olhou a sua amada flor,
Desabrochando no seu jardim
E declamou sussurrando... ♫

♫ Minha flor
A sua fragrância
Da rosa mais perfumada
Invadiu-me e a sua delicadeza
Enobreceu o meu jardim
Apaixono-me por você a cada amanhecer... ♫
Lucy




♫ O sol despontou no horizonte
E sobre o mar imperou...
Lançou-me o calor
De um bem-vindo suntuoso
E preencheu-me com a luz 
Da existência... ♫

Lucy Coelho