sábado, 13 de agosto de 2016


Alguém pode partir e ir para um lugar muito distante, mas há uma magia no coração, por algum motivo, as lembranças lá ficam.
Recordamos coisas que já se foram, pessoas e amores ausentes, como se fosse uma caixa trancada, é esse tal de subconsciente...
Tenho tantas boas lembranças, amo relembrar, o mal é a tal da dona saudade, que arde na gente.
Fui pobre na minha infância, mas tão querida, que hoje creio que são as minhas melhores lembranças.
Como diria o poeta:
Recordar é viver...
Pai, é tão bom pensar em você♥
♥♥♥
Lucy Coelho