sábado, 30 de maio de 2015


O céu e o mar se encontraram
No momento que te beijei...
Nada foi como antes
Pois me aprisionei...
Perdi-me no laço do teu abraço
Estou com as mãos serradas,
E trancafiada,
Pois já fui julgada...
E sem direito a defesa 
Fui condenada 
A paixão perpetua... 

Lucy Coelho