sábado, 4 de outubro de 2014

Sou flor Sou pedra - ficção


Sou ma flor
Sou uma pedra

Sou uma flor perdida em um vale,
Sou um diamante no seu estado bruto,
Me colhe e  me lapida,
Me tire do vale,
Me faz sua joia.

Não deixa a flor do vale
Morrer de sede,
De sede de você.
Não deixa a pedra perdida,
A pedra perdida,
Perdida por você.
Lucy Coelho